Sexta-feira, 03 de Dezembro de 2021

POLÍCIA
Segunda-feira, 18 de Outubro de 2021, 09h:24

Polícia

Polícia Militar de Corumbá prende indivíduos após roubo praticado com restrição à liberdade da vítima no bairro Popular Nova

Policia Militar MS

Corumbá (MS) Segunda-feira (18/10) - A guarnição da Força Tática, deslocou-se até a Rua Edu Rocha no bairro Popular Nova por volta das 02h30 após ser acionada pelo CIOPS para atender uma ocorrência de roubo.

No local, em contato com a vítima, uma mulher de 46 anos, a mesma relatou que é motorista de aplicativo e que ao fazer uma corrida para três pessoas (dois homens e uma mulher) da avenida General Rondon até o bairro Guatós, em determinado momento do trajeto, um dos autores (que estava no banco de trás) deu uma gravata no pescoço da mesma, dizendo em seguida que era um assalto, para que a mesma ficasse quieta se não iria morrer.

Em seguida, o mesmo indivíduo que anunciou o assalto ordenou para que a vítima descesse do carro e fosse para o banco de trás, tendo que permanecer ali junto com um segundo autor. Nesse momento, um dos autores assumiu a direção do carro, sendo que a todo instante ele mandava para que a vítima ficasse com a cabeça abaixada. Segundo a vítima, a mesma ficou no interior do veículo por muito tempo, aproximadamente 03 (três) horas, até que em determinado momento, os autores buscaram um quarto indivíduo e, juntamente com esse, deixaram a mulher que estava com eles num local que a vítima não soube dizer.

Ainda segundo a vítima, a partir desse momento, a mesma continuou no interior do veículo somente com os autores homens e, depois de muito tempo, os autores pararam o veículo e a lavaram para uma região de mata, amarrando-a e ameaçando-a, dizendo para que não gritasse, fazendo menção que estavam armados. Em seguida, os autores prenderam o braço da vítima para trás e usaram uma toalha de rosto para amordaça-la.

Após os fatos, os autores deixaram a vítima pelo local, sendo que, após certo tempo a mesma conseguiu soltar-se e, após conseguir ajuda de alguns populares, conseguiu entrar em contato com a polícia através do 190.

Em seguida, a vítima relatou que o veículo possuía rastreador, dizendo que iria entrar em contato com o responsável da empresa para saber o paradeiro do veículo, assim como também para que fosse feito o respectivo bloqueio do mesmo. Após entrar em contato com o responsável da empresa de rastreio, esta equipe foi informada do possível paradeiro do veículo, sendo que, ao deslocar-se até o local, logrou-se êxito em localizar o referido veículo.

Com isso, após populares relatarem que os indivíduos que abandonaram o veículo estavam próximos, esta equipe realizou diligências no intuito de localizá-los, onde na altura da Rua Paraná com a Rua José Fragelli, foi possível visualizar que dois indivíduos ao avistarem a viatura da equipe policial começaram a correr, aparentando tentar fugir da equipe. Por isso, diante da fundada suspeita, esta equipe realizou acompanhamento aos mesmos, sendo que em determinado momento, após alcançá-los, estes passaram a investir contra a equipe, sendo necessário então o uso de força para imobilizá-los. Nesse instante, foi feita busca pessoal aos indivíduos, sendo constatado que um deles (23), tinha em sua posse um celular com a tela quebrada e uma grande quantidade em dinheiro trocado, além de dois anéis aparentemente femininos. Com o outro indivíduo (22) nada foi encontrado em sua posse.

Em seguida, os suspeitos foram apresentados à vítima e esta ao vê-los, disse com propriedade que eram de fato dois dos indivíduos que estavam envolvidos no roubo.

Questionados sobre o fato, num primeiro momento os autores negaram qualquer envolvimento com o delito, mas, após questionamento sobre o dinheiro e os anéis encontrado em sua posse, o autor de 23 anos confessou o crime dizendo que o material pertencia à vítima, dizendo também que sabia informar o paradeiro do terceiro envolvido no delito.

Segundo o autor, junto com eles estava um terceiro envolvido e, no momento em que abandonaram o veículo, o terceiro autor seguiu em direção à uma escola pela Rua Dom Pedro II.

Por esse motivo, no intuito de localizar o suspeito, esta equipe realizou diligências pela localidade, não logrando êxito no feito. Em relação à mulher envolvida no crime, ambos os autores disseram que não a conhecem. Ambos relataram também que, foi ela quem ficou com alguns pertences pessoais da vítima e que a mesma desceu do veículo próximo a 18ª Brigada Militar, no bairro cervejaria.

Sendo assim, em razão do crime do crime, foi dada a voz de prisão aos autores, e em seguida encaminhados, juntamente com os pertences, à Primeira Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos que o caso requer.

Publicado por: choros@sejusp.ms

Fonte: PM MS
VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

icon-onibus

Rua Dr. Napoleão Laureano,13 - Bairro Santo Antonio - Campo Grande/MS

fn.jornaldoonibus@hotmail.com - CEP: 79100-370